PTT Fortaleza é anunciado como possível segundo IXP mais importante do país

O NIC.br (Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR) anunciou ontem, terça-feira (19/12), o acordo firmado com a GlobeNet, operadora de infraestrutura marítima que ficará responsável pela implantação do novo IXP.

O novo ponto de interconexão central no ponto de troca de tráfego (PTT) de Fortaleza, teve local escolhido por conta de um data center da empresa, que hospeda a infraestrutura de Internet nacional para o intercâmbio de tráfego nas regiões Norte e Nordeste.

Um fato importante a ser lembrado, é que a capital cearense é a ponta de saída do País de vários cabos submarinos, como o cabo da própria GlobeNet, que liga Estados Unidos, Ilhas Bermudas e Venezuela ao Brasil; e o sistema Monet, uma parceria entre Google, Algar Telecom, Angola Cables e a operadora uruguaia Antel.

O novo PTT Fortaleza tem potencial para descentralizar a arquitetura de troca de tráfego no Brasil, basicamente concentrada em São Paulo. A expectativa é que ele se torne o segundo PTT mais importante do país, atrás apenas do PTT SP.

Segundo o NIC.br, o novo IXP Fortaleza fortalecerá a distribuição de conteúdo local em sua região e chega em momento muito apropriado, acompanhando a crescente dos ISPs.

“Um país com proporções continentais como o Brasil não pode mais contar com somente um IXP para sua troca crítica de tráfego. Operadores de rede dispostos a trocar tráfego são convidados a também se conectarem em Fortaleza”, diz Milton Kaoru Kashiwakura, Diretor de Projetos Especiais e de Desenvolvimento do NIC.br.

Tanto é que a GlobeNet está implantando em Fortaleza sua primeira infraestrutura de serviço completo fora da capital paulistana.

O NIC.br está implantando, no mesmo local, sua primeira infraestrutura de serviço completo fora de São Paulo, incluindo a resolução dos nomes de domínio .br, agora estarão disponíveis em Fortaleza.

Frederico Neves, diretor de Serviços e de Tecnologia do NIC.br, explica que todas as operações realizadas anteriormente pelo NIC.br somente em São Paulo estarão à disposição em Fortaleza.

“Esses recursos visam tornar essa localidade o polo para as operações do NIC.br no Norte/Nordeste no Brasil”, finalizou o diretor.

De acordo com a entidade, braço técnico do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), a operadora responsável foi escolhida por possuir:

- Forte e sólida infraestrutura estabelecida no Nordeste;
- Alto nível de disponibilidade de serviços do centro de dados;
- Sistema de cabo submarino duplo que conecta as Américas do Norte e do Sul;
- Neutralidade.

Eduardo Falzoni, CEO da GlobeNet

Eduardo Falzoni, CEO da GlobeNet, ressalta que o projeto beneficiará diretamente o número crescente de provedores de serviços na região.

“A implementação do novo ponto de intercâmbio regional de Fortaleza destaca o compromisso da GlobeNet em ajudar nossos clientes a se expandirem para novos mercados e melhorar o acesso à internet para usuários finais no Brasil”, diz o CEO.

 

 

FONTES: Teletime, PontoISP

OUTRAS IMPLANTAÇÕES DE PTTs NO BRASIL

Provedores do Mato Grosso do Sul contarão com primeiros PTTs do estado

Novo Backbone cobrirá 22 cidades em Minas Gerais e já reduz latência na rede durante testes

PTT Santa Maria nasce de parceria entre 30 Provedores

NIC.BR inicia cobranças pelo uso do PTT São Paulo

Brasil alcança Pico de Pontos de Troca de Tráfego em Medição do IX.br

 

O post PTT Fortaleza é anunciado como possível segundo IXP mais importante do país apareceu primeiro em MHemann.

[Originalmente publicado mhemann.com.br]